• Deputado Galo

Confira o que abre ou segue fechado com a bandeira laranja


Foto: Ari. Dias/AEN

A bandeira laranja entrou em vigor nesta segunda-feira (5) em Curitiba, após 23 dias de bandeira vermelha. A alteração impacta o funcionamento de atividades e serviços considerados não essenciais, que estavam mais restritivos para conter a aceleração na taxa de transmissão do coronavírus na cidade.


A partir desta segunda-feira, lojas, galerias, centros comerciais e feiras de artesanato voltam a funcionar com atendimento ao público, de segunda a sábado, entre 9h e 19h. Aos domingos, poderão funcionar apenas na modalidade delivery até 19h. Os shoppings centers também voltam a abrir, de segunda a sábado, entre 10h e 19h. Aos domingos, o atendimento será apenas por entrega, até às 19h.


Estabelecimentos como salões de beleza, barbearias, clínicas de estética, imobiliárias e serviços de banho, tosa e estética de animais também retornam às atividades nesta segunda-feira, com atendimento autorizado de 9h às 19h de segunda a sábado. Está proibido o funcionamento aos domingos.


Com a bandeira laranja, as academias de ginástica e outros espaços de práticas esportivas podem retomar as atividades, mas apenas para atendimento individual. O funcionamento deve ser das 6h às 20h, de segunda a sábado, com proibição de abertura aos domingos. O decreto veta o funcionamento de espaços de prática de atividades esportivas coletivas localizados em praças e demais bens públicos ou privados. A medida também vale para condomínios e áreas residenciais.


No período de vigência da bandeira laranja, nos parques e praças, fica permitida a prática de atividades individuais ao ar livre, com uso de máscaras, observado o distanciamento social.

Nesta segunda-feira, restaurantes e lanchonetes voltam a receber clientes para consumo no local. Está permitido também o serviço de buffet. O atendimento pode ser feito das 10h às 20h, de segunda a sábado. Entre 20h e 23h, os estabelecimentos podem atender apenas nas modalidades delivery e a retirada expressa sem desembarque, o chamado drive thru. Nos domingos, o decreto da bandeira laranja permite apenas o atendimento por entrega, retirada no balcão e drive thru, proibindo o consumo no local.


Os serviços de comercialização de alimentos localizados em shopping centers, galerias e centros comerciais estão autorizados a operar aos domingos, mas apenas por meio de entrega em domicílio e o drive thru. Não é permitida a retirada em balcão.


As panificadoras, padarias e confeitarias podem funcionar das 6h às 20h, de segunda a sábado. Aos domingos, está autorizado o atendimento das 7h às 18h, mas com proibição de consumo no local.


Na bandeira laranja permanece a suspensão aos domingos do funcionamento de supermercados, quitandas, lojas de conveniência, quitandas, mercearias, açougues, distribuidoras de bebidas e estabelecimentos similares, além de feiras livres, lojas de produtos para animais, lojas de materiais de construção e comércio ambulante de rua. No domingo, apenas a entrega está permitida, até às 23 horas. Estas atividades podem atender normalmente de segunda a sábado, das 6h às 20h, sendo autorizado até às 23 horas na modalidade delivery.

Durante as atividades, os estabelecimentos devem observar a capacidade máxima de ocupação que garanta o distanciamento mínimo de 1,5 metro entre as pessoas.


Outras atividades

Segundo o decreto da bandeira laranja, hotéis, resorts, pousadas e hostels devem funcionar com até 50% da capacidade do público.


Escritórios em geral podem funcionar de segunda a sábado, das 9h às 19h. Serviços de call center e telemarketing devem funcionar com até 50% da sua capacidade de operação e a partir das 9 horas, exceto aqueles vinculados aos serviços de saúde ou executados em home office.


As escolas particulares poderão retornar às atividades no modelo híbrido a partir desta segunda-feira (5). Os estabelecimentos devem seguir as diretrizes da resolução 240/2021 da Secretaria de Estado da Saúde, que determina o limite de 30% da capacidade nas salas de aula durante as atividades presenciais dentro deste formato.


Conforme o decreto, as igrejas e os templos de qualquer culto devem observar a Resolução 221, de 26 de fevereiro de 2021, da Secretaria de Estado da Saúde do Paraná, que regulamenta a realização das atividades religiosas de qualquer natureza. Segundo o documento, os templos, igrejas e outros espaços devem realizar suas atividades de forma preferencialmente virtual. Em casos de atividades presenciais, deve ser respeitado o limite de 15% da ocupação.


Os veículos utilizados para o transporte coletivo de Curitiba devem circular com lotação máxima de até 50% de sua capacidade, em todos os períodos do dia.


Atividades suspensas

A bandeira laranja determina a suspensão de algumas atividades.


Seguem fechados estabelecimentos destinados ao entretenimento ou a eventos culturais, como casas de shows, circos, teatros, cinemas, museus e atividades correlatas. Também não podem funcionar estabelecimentos destinados a eventos sociais, como casas de festas, de eventos e recepções, espaços com serviços de buffet, parques infantis e temáticos.


A bandeira laranja também veda a abertura de estabelecimentos destinados a mostras comerciais, feiras de varejo, eventos técnicos, esportivos, congressos, convenções, entre outros eventos de interesse profissional, técnico e/ou científico.


Bares, tabacarias e casas noturnas seguem fechados durante a vigência da bandeira laranja. Também está proibido o consumo de bebidas alcoólicas em vias públicas.


O decreto ainda traz que está restrita a circulação de pessoas, no período das 20h às 5 horas, em espaços e vias públicas, salvo em razão de atividades ou serviços essenciais e casos de urgência.

Também estão proibidas reuniões com aglomeração de pessoas, incluindo eventos, comemorações, assembleias, confraternizações, encontros familiares ou corporativos, em espaços de uso público, localizados em bens públicos ou privados.


O decreto 650/2021 entrou em vigor nesta segunda-feira e tem validade até o dia 14 de abril.


Fonte: CBN Curitiba

https://cbncuritiba.com/confira-o-que-abre-ou-segue-fechado-com-a-bandeira-laranja/

9 visualizações0 comentário