• Deputado Galo

Decreto estabelece retomada gradual das atividades no TJPR


Foto: Tribunal de Justiça.

O Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJPR) divulgou um novo Decreto Judiciário, nº 404/2021, que estabelece o trabalho presencial de pelo menos um servidor por Unidade Administrativa e Judiciária do 1º e 2º Graus a partir desta terça-feira (13).


De acordo com o ato normativo, a medida pretende atender a parcela da população que possui dificuldade de acesso aos meios digitais, mantendo os encaminhamentos virtuais para os requerimentos já formulados. Os servidores precisarão atuar no horário regimental (das 12h às 18h), e os atendimentos presenciais devem ser agendados para evitar aglomerações.


Consideram-se Unidades Judiciárias do 1º Grau as Varas, Juizados e o Centro de poio às Turmas Recursais, e Unidades Judiciárias de 2º grau, as Secretarias de Órgãos Fracionários.


Teletrabalho

Levantamento realizado pelo Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) demonstrou que, durante o primeiro ano de teletrabalho, o Judiciário estadual economizou R$ 52.610.422,88 com itens como materiais de limpeza, Correios, diárias e passagens, entre outros. O valor leva em consideração a comparação entre os valores despendidos no ano anterior à pandemia da Covid-19, de abril de 2019 a março de 2020, e o primeiro ano de teletrabalho na Corte paranaense, de abril de 2020 a março de 2021.


Os valores com diárias e passagens foram os que apresentaram maior economia em comparação a um período e outro. Ao passo que de abril de 2019 a março de 2020 foram despendidos R$ 6.724.312,82, no ano seguinte foram gastos apenas R$ 1.664.414,56, uma redução de 75%.


Fonte: CBN Curitiba

https://cbncuritiba.com/tribunal-de-justica-parana-trabalho-presencial/

0 visualização0 comentário