• Deputado Galo

Famílias podem escolher entre ensino híbrido e remoto para o segundo semestre, em Curitiba


Foto: Pixabay

Pais ou responsáveis poderão optar pelo formato de ensino a ser adotado a partir do dia 19 de julho, no retorno das aulas na rede municipal de ensino de Curitiba. As famílias de crianças e adolescentes poderão optar pelo formato híbrido ou pelo ensino remoto.


A escolha deve ser feita com o preenchimento do formulário que ficará disponível na página da Secretaria Municipal da Educação entre os dias 19 e 23 de julho. O retorno das atividades no formato híbrido, com parte dos alunos na escola e parte acompanhando por videoaulas, está previsto para o dia 02 de agosto.


No dia 19 de julho retornam ao formato híbrido cem das 415 unidades, aquelas onde os estudantes têm maior dificuldade ao ensino remoto. São os 50 Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) e as 50 escolas com o programa Leia +.


A secretária municipal da Educação de Curitiba, Maria Sílvia Bacila, explica que a pasta deve fazer um acompanhamento das atividades nesses locais.


A ocupação máxima será de 50% da capacidade, o que varia conforme o tamanho da escola. Para garantir os limites dentro das salas de aula, os estudantes serão divididos em grupos.


O protocolo prevê uso obrigatório de máscara, distanciamento entre as carteiras de 1,5 metro, horários alternados de intervalo, uso de álcool gel, tapetes sanitizantes, interdição de bebedouros coletivos, aferição de temperatura, entre outros.


Aulas estaduais

No Paraná, o recesso escolar foi iniciado nesta segunda-feira (12) e as atividades presenciais e remotas serão retomadas no dia 21 de julho.


Segundo a Secretaria Estadual de Educação (Seed-PR), 1161 colégios estavam com as atividades presenciais e 492 instituições permaneciam fechadas em virtude de decretos municipais.


Do total de colégios com aulas presenciais, até o dia 09 de julho, seis escolas estavam fechadas e 134 turmas com aulas presenciais suspensas devido a casos de Covid-19.


Conforme a pasta, entre as mais de 75 mil pessoas que frequentam as escolas presencialmente, houve 146 casos positivos do novo coronavírus registrados na última semana. Destes, 142 são decorrentes de contaminações fora do ambiente escolar, enquanto quatro estão em investigação.


Ainda segundo a pasta, a previsão é que todas as escolas estaduais retornem às atividades com aulas presenciais e remotas no início do segundo semestre letivo, entre os dias 21 de julho e 02 de agosto.


Fonte: CBN Curitiba

https://cbncuritiba.com/familias-aulas-curitiba-ensino-hibrido-remoto/


0 visualização0 comentário