• Deputado Galo

Obras autorizadas pelo Estado preparam municípios do Litoral para o período pós-pandemia

A reforma e revitalização da estrutura do molhe de Matinhos, na Praia Mansa, é um bom exemplo da atenção do Governo do Estado no apoio ao Turismo, uma das mais importantes atividades econômicas da região.


Foto: AEN

Os municípios do Litoral do Paraná se preparam para a retomada da economia com obras realizadas com recursos aprovados pela Secretaria estadual do Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas (SEDU). Os valores liberados desde janeiro de 2019 para a região somam R$ 11.440.286,50.


A reforma e revitalização da estrutura do molhe de Matinhos, na Praia Mansa, é um bom exemplo da atenção do Governo do Estado no apoio ao Turismo, uma das mais importantes atividades econômicas da região. A obra, já em execução, foi viabilizada com a liberação de R$ 739.346,29.


Ela vai se somar ao investimento de R$ 377,85 milhões previsto para a revitalização completa da orla de Matinhos, intervenção que compreende engorda da faixa de praia, estruturas marítimas semirrígidas, canais de macrodrenagem, redes de microdrenagem, revitalização urbanística, bem como a pavimentação asfáltica e a recuperação de vias.


“Estimular a atividade econômica traz benefícios para a população e promove a melhoria da qualidade de vida para moradores e também aos turistas. Com a vacinação, temos um novo horizonte para a retomada das atividades. E os municípios precisam estar preparados”, disse o secretário João Carlos Ortega.


Matinhos ainda recebeu recursos para a aquisição de um automóvel (R$ 60.495,00) e equipamentos rodoviários (R$ 302.400,00).


Outros exemplos vêm de Guaratuba, que recebeu R$ 3,19 milhões para recuperar a orla, na Praia Central, em área de 63.621,28 metros quadrados. O projeto contempla a pavimentação em paver, fundações em concreto armado, construção de um muro de arrimo, passarelas, rampas e escadas de madeira, plantio de grama e árvores, além da implantação de bancos, lixeiras e de instalações hidráulicas. Na primeira fase, foram feitas demolições de concreto, a regularização e compactação de calçadas, aterros, base e sub-base.


Ainda em Guaratuba está em andamento a reforma do Terminal Rodoviário (R$ 299 mil), abrangendo a área de parada de veículos, área de espera, lojas e setor de atendimento. No mesmo município, está em construção o barracão do futuro Centro de Eventos, com espaço para exposições, estacionamento pavimentado com piso intertravado, muros e depósito de resíduos. Para a sua viabilização, foram autorizados recursos da ordem de R$ 1.172.754,89.


A cidade também foi beneficiada com R$ 58.140,00 para a aquisição de um automóvel, R$ 248 mil para a compra de uma van para o transporte de passageiros, R$ 723 mil para ampliação de Complexo Esportivo e Parque Municipal, com quadras esportivas e calçamento em paver e recursos para dois projetos de pavimentação asfáltica de vias urbanas, nos valores de R$ 941 mil e R$ 777 mil.


IMPACTO – Os projetos impactam diretamente a vida dos moradores do Litoral. Para Antonina, foi autorizado R$ 1,48 milhão para a pavimentação asfáltica e com paver em diversas ruas da cidade, além da implantação de sinalização viária e a aquisição de uma van e de um automóvel para serviços da administração municipal.


Guaraqueçaba terá uma nova quadra de esportes coberta, com vestiários, a partir do investimento de R$ 713 mil. Os recursos foram autorizados e a obra já tem cronograma de implantação.


Paranaguá recebeu R$ 172 mil para a aquisição de uma van para o transporte de passageiros, enquanto Pontal do Paraná teve duas ações aprovadas (valor total de R$ 555 mil) para a pavimentação com blocos de concreto em ruas dos balneários Atami e Santa Terezinha.


SÉRIE – A prestação de contas dos investimentos faz parte de um levantamento da SEDU dedicado a todas as associações dos municípios. A primeira parte, com a Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Curitiba (Assomec), esmiuçou a liberação de R$ 402 milhões para 23 municípios desde o início de 2019. Já os nove municípios que pertencem à Associação dos Municípios do Central do Paraná (Amcespar) receberam R$ 7.970.244,57.


Fonte: AEN

https://www.aen.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=113361&tit=Obras-autorizadas-pelo-Estado-preparam-municipios-do-Litoral-para-o-periodo-pos-pandemia


0 visualização0 comentário