• Deputado Galo

PROJETO DE CONCESSÃO DE RODOVIAS PARA O GOVERNO FEDERAL É CONSTITUCIONAL


Foto: ALEP

Com discussões acirradas e um clima acalorado, o plenário da Assembleia Legislativa, aprovou a constitucionalidade do projeto de lei do Executivo que concede ao governo federal a operacionalização do novo modelo de pedágio, amplamente debatido durante meses inclusive com a realização de uma série de audiências públicas que abrangeu todas as regiões do Paraná e ouviu representantes de vários segmentos da sociedade, principalmente pessoas e entidades que utilizam regularmente os trechos atualmente pedagiados.


Durante os debates da sessão desta segunda feira, a definição dos trechos que serão pedagiados, os preços à serem cobrados trechos ainda não nominados e a modelagem a ser aplicada pelo Ministério da Infraestrutura através do governo federal foram os pontos mais debatidos, com a oposição fazendo vários questionamentos com relação à esses itens e a situação defendendo a legalidade de tudo que já foi apresentado principalmente a transparência, analisando que foi um contrato bem feito e bom para o estado, inclusive em relação aos descontos que serão aplicados.


No período da manhã, a Comissão de Obras da Assembleia ouviu o diretor-presidente do DER do Paraná, Fernando Furiati que fez uma explanação completa aos deputados membros da comissão sobre pontos ainda questionados do projeto, como os trechos que não entram no programa do governo federal e argumentando a ampla discussão, além de destacar a importância da expertise que possui o Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná para apresentar uma modelagem moderna e correta que irá beneficiar todos os usuários do pedágio no estado.


Antônio Carlos Ribas

DRT - 0011938 PR.


2 visualizações0 comentário