• Deputado Galo

REPERCUTEM COBRANÇAS DE DEPUTADO SOBRE RADARES EM CURITIBA

Atualizado: 17 de mai.



A repercussão das cobranças feitas recentemente pelo deputado Galo, tanto na Assembleia Legislativa, quanto em seu programa de rádio em relação aos radares, tem gerado uma repercussão muito positiva, despertando nos usuários de veículos em Curitiba, o sentido de indignação com o aumento frequente dos equipamentos instalados em nossa capital, os chamados radares inteligentes que flagram também os movimentos feitos pelos motoristas dentro dos veículos.


Somente nos últimos dias, cerca de 10 novos pontos de monitoramento foram inaugurados, fiscalizando uma velocidade entre 30 e 70 km, o que vem causando muita confusão, justamente pela mudança brusca entre um limite de velocidade e outro, gerando revolta nos motoristas que denunciam uma verdadeira indústria da multa e que o objetivo é apenas multar e arrecadar, sem nenhuma preocupação com o lado educativo principalmente nos novos pontos de radares.


A própria imprensa, está publicando matérias que falam em uma arrecadação de nada menos que 120 milhões de reais em multas somente no ano passado, e quase 800 mil motoristas notificados, o que motivou também nas redes sociais um debate sobre uma possível indústria da multa, especialmente depois do anúncio da prefeitura de que, nos próximos meses mais 200 novos equipamentos deverão ser instalados.


Conforme reportagens recentes, as informações prestadas pela prefeitura, dão conta de toda arrecadação de multas na cidade, não supre as despesas com pessoal, fiscalização, engenharia de tráfego e educação no trânsito. O deputado já avisou que irá continuar cobrando da tribuna da ALEP explicações mais convincentes do poder público municipal sobre os radares de Curitiba.


Antônio Carlos Ribas

DRT - 0011938 PR



1 visualização0 comentário