• Deputado Galo

Taxa de transmissão no PR se mantém baixa, mas ainda preocupa


Foto: Agência Brasil

A taxa de transmissão da Covid-19 no Paraná está em 0.92, o que significa que cada 100 pessoas com a doença podem contaminar outras 92. Os dados foram atualizados no último sábado (27) pelo sistema Loft, que analisa como está a transmissão do novo coronavírus no Brasil.


O Paraná, assim como o Amazonas, possui a menor taxa de reprodução (Rt) do vírus do país neste momento da pandemia. Os estados que têm a maior taxa de replicação do vírus são Pará, Minas Gerais e Espírito Santo, com 1.14.


Da semana passada para cá, o estado teve um leve aumento na taxa de replicação do vírus, porque mantinha uma média de 0.77 no último dia (21). O índice abaixo de 1 e bastante positivo, já que vinha em elevação desde a metade de fevereiro e atingiu o pico de 1,58 em 11 de março, naquela data, cada 100 pessoas infectadas contaminavam outras 158.


O governador Ratinho Junior (PSD) avalia que os resultados de agora são fruto das medidas restritivas adotadas entre o fim de fevereiro e início de março.


O governador lembrou que a cepa brasileira P1 tem sido responsável por 70% das infecções no Paraná e que ela ainda está circulando, por isso a população não pode relaxar.


De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (SESA) cerca de 30% dos testes feitos atualmente dão positivo, um sinal de que o contágio ainda está alto no Paraná.


Fonte: CBN Curitiba

https://cbncuritiba.com/taxa-de-transmissao-no-pr-se-mantem-baixa-mas-ainda-preocupa/

0 visualização0 comentário